Medicina Tradicional Chinesa

 

     A Medicina Tradicional Chinesa é baseada em princípios filosóficos, na observação dos fenômenos da natureza e sua influência energética no ser humano e suas relações internas e externas, na compreensão do princípio do Tao e sua dualidade energética, o Yin e o Yang .

   Tao significa literalmente “caminho”. Da perspectiva do Tao o Terapeuta vê a desarmonia do cliente como parte do corpo-mente que se separou de sua verdadeira totalidade. Dessa forma, a desarmonia, na visão Taoísta, é encarada como uma situação em que a pessoa está em algum nível descompassado com o equilíbrio dinâmico da natureza.

    O objetivo do tratamento terapêutico baseado na Medicina Tradicional Chinesa é estabelecer o equilíbrio energético do indivíduo.

       A avaliação energética é de suma importância para o correto tratamento. Observam-se as funções excretoras (fezes e urina), estado emocional, alimentação, língua, pulso (energético), transpiração, aparência e fatores externos a que possa ter estado exposto, para determinar que princípio de tratamento será utilizado .

    A MTC tem fundamentos que proporcionam ao Terapeuta buscar caminhos de tratamento, nem sempre os mesmos para pessoas diferentes apesar de mesmos sintomas, usando os recursos energéticos do próprio corpo e/ou da natureza.

     É uma arte a ser desenvolvida através de um profundo entendimento de como a energia do corpo e da natureza funcionam e interagem e buscando o seu equilíbrio através do YIN e do YANG.

      Nas antigas dinastias que controlavam o povo asiático estes tratamentos eram usados pelas famílias como medicina caseira.

       Muitos segredos eram mantidos dentro das famílias, até que entre os anos de 1950 e 1960 houve uma exigência das autoridades que obrigavam que todos esses conhecimentos e técnicas fossem divulgados.

    A Filosofia Chinesa vem do livro ” I Jing (teoria de mudança) “ – 5000 anos de existência – O livro Nei Jing ( O imperador amarelo) vem desta filosofia, e ninguém sabe quem escreveu.

Esta obra foi esculpida em bambu e montado com cordas formando um livro.

Explica a energia do universo.

Exemplos:

- dois objetos parados são independentes, mas quando se movem interferem energeticamente um no outro.

- a cada 25.920 anos existe um alinhamento dos 9 planetas .( compondo temos 9).

- na medicina chinesa nosso coração bate 103680 vezes por dia (compondo temos 9).

- o dia tem 1440 minutos (compondo temos 9)

Portanto temos um número SUPERIOR para efeitos terapêuticos que é o “9”.

      O I Jing divide o calendário chinês em 24 estações e mudando a cada 15 dias (cada 5 dias a energia se modifica e cada 3 mudanças uma nova estação). Então 15 x 24 temos 360 dias. Temos então 361 pontos de 12 meridianos, um para cada dia. 

     O I Jing se baseia na ligação HOMEM-CÉU-TERRA. Explica que temos a influência energética desta estação em nossa energia congênita (CÉU) para o resto de nossas vidas.

       Segundo os estudos verifica-se eficácia nesta afirmação em 88% dos casos no povo chinês e entre 60% e 70% no povo brasileiro.

        Os 2 inimigos do corpo segundo a MTC são a ALIMENTAÇÂO e o EMOCIONAL.

      A MTC trata síndromes energéticas, começando pela eliminação do sintoma, que pode ser efeito secundário, e depois a origem que seria o causador do desequilíbrio.

João Alfredo

 Procede ao estudo e a análise do cliente, realizados sempre sob o paradigma holístico, cuja abordagem leva em consideração os aspectos sócio-somato-psíquicos. Faz uso do somatório das mais diversas técnicas, pois cada caso é considerado único e deve-se dispor dos mais variados métodos, para possibilitar a opção por aqueles com os quais o cliente tenha maior afinidade. Promove a otimização da qualidade de vida, estabelecendo um processo interativo com seu cliente, levando-o ao auto conhecimento e a mudanças em várias áreas, sendo as mais comuns: comportamento, elaboração da realidade e/ou preocupações com a mesma, incremento na capacidade de ser bem sucedido nas situações da vida (aumento máximo das oportunidades e minimização das condições adversas), além de conhecimento e habilidade para tomada de decisão. Avalia os desequilíbrios energéticos, suas predisposições e possíveis consequências, além de promover a catalisação da tendência natural ao auto equilíbrio, facilitando-a pela aplicação de um somatório de terapêuticas de abordagem holística, com o objetivo de transmutar a desarmonia em auto conhecimento.

Terapia Holística

gallery/71306411_2434192070170457_6402279122743066624_o
gallery/74453691_2460140684242262_3910089744687562752_o
gallery/12017663_1654638574792481_8777612231500558613_o
gallery/72127919_2434197943503203_623767313102929920_o
gallery/71487462_2434189043504093_2868585197887029248_n
gallery/71501830_2434196050170059_2354087354647445504_o
gallery/homunculo1
gallery/74466317_2446959322227065_2464884063341641728_n